7 de fev de 2005

Laços Brancos no carnaval 2005



Karla VidalFonte: 10:40 - Redação Desarme 

Um carnaval contra a violência, onde a arma de fogo não tem vez. Este ano, os foliões brasileiros evocam durante a folia a mensagem da paz. No Rio de Janeiro, o lema faz parte do enredo de pelo menos seis escolas dos grupos Especial e de Acesso A. Na madrugada desta terça-feira (8), sob o tema “Nós podemos: oito idéias para mudar o mundo!”, uma das mais tradicionais escolas de samba do país, a Portela, traz a ala “Viva Rio: lugar de arma é no lixo”, com mais de 150 integrantes da ONG. 

Na passarela internacional do samba, a Portela entoa a importância da Declaração do Milênio, assinada por líderes mundiais na Organização das Nações Unidas (ONU), em setembro de 2000. “Paz, segurança e desarmamento” está entre os lemas. Os integrantes da ala “Viva Rio: lugar de arma é no lixo” usarão como adereço uma cesta de lixo para armas e serão acompanhados por um carro alegórico sobre o desarmamento, com a mensagem “uma das formas de combate da violência é o desarmamento da sociedade”. 

Para o bloco “Pé na Cova”, em Aparecida do Norte (SP), o carnaval é momento de presentear aqueles voluntários que colaboraram para a paz, entregando armas na Campanha Nacional de Desarmamento. Na folia desta sexta (4), ofereceu entrada livre a quem mostrasse o certificado de entrega de armas. De brinde, eles ganhavam camisetas promocionais e cupons para consumação. 



Antes mesmo do início do carnaval, nesta sexta-feira (4), a Rede de Homens pela Eqüidade de Gênero, promoveu em Olinda (PE), a segunda edição do bloco carnavalesco Homens e Mulheres na folia pelo fim da violência contra a mulher. Responsável pela campanha do Laço Branco no Brasil, a rede é formada por organizações da sociedade civil que atuam na promoção dos direitos humanos. Na quinta-feira (3), a agremiação do Laço Branco participou do bloco “Nem com uma Flor”, organizado pela Coordenadoria da Mulher e Secretaria de Saúde da Prefeitura do Recife. 

O bloco “Sou da Paz”, criado em 1997 pela União Nacional dos Estudantes (UNE), com o Diretório de Estudantes da Universidade Federal da Bahia, desfilou na quinta-feira (3) no carnaval de Salvador (BA). Montada para incentivar o desarmamento da sociedade, a agremiação apresentou, este ano, o tema "Quem faz o presente molda o futuro". Os organizadores trocaram camisetas do bloco por alimentos não-perecíveis.

Os comitês de desarmamento do Mato Grosso e de Rondônia aproveitam o carnaval para reforçar a divulgação da campanha. Em Cuiabá (MT) e nas cidades satélites serão distribuídos panfletos pró-desarmamento nos locais de maior circulação de foliões. O comitê de Porto Velho (RO) contará com a ajuda dos organizadores dos blocos de carnaval para distribuir material de conscientização.

Carnaval no Sambódromo


No Rio de Janeiro, a Acadêmicos da Rocinha cantou o enredo “Um mundo sem fronteiras”, pregando liberdade, fraternidade e igualdade num mundo sem guerras. A escola de samba levou para a avenida a ala “Exército nas ruas (inverter a ordem e prover a paz)”, usando figurinos que representavam um soldado com uma arma estilizada, da qual saíam flores, e não balas. 

Outra escola a celebrar a paz, com ênfase crítica à desigualdade social, é a Caprichosos de Pilares. Para lembrar desfiles polêmicos no Sambódromo nos últimos 20 anos, traz um ala com integrantes fantasiados de jovens infratores, em referência à escultura de um rapaz com arma na mão, exibida no desfile de 1993. O carnavalesco Chico Spinosa pretende mostrar que a situação criticada não mudou. 

Participam também do coro pela paz as escolas Salgueiro, Unidos da Tijuca e Viradouro. A primeira lembrou que “as mãos criativas que constróem maravilhas são as mesmas que fazem a guerra” e criam armas de fogo. A Unidos da Tijuca pôs em contraste reinos de paz, como Shangri-lá, e morros, como o Borel. E a Unidos do Viradouro prega a força do sorriso como aliado da paz e contra violência, além de lembrar os líderes Gandhi, Madre Tereza de Calcutá e Martin Luther King Jr.


http://www.desarme.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.